Ejaculação precoce

Ejaculação precoce

A disfunção sexual de maior incidência entre os homens

Muitos homens ejaculam involuntariamente e sequer se dão conta que têm uma disfunção sexual. Pesquisas recentes apontam que 30 a 40% dos homens, na faixa etária de 15 a 35 anos, sofrem de ejaculação precoce.

As causas podem ser orgânicas ou psicológicas. Estima-se que 90% são de origem psicológica e, na maioria das vezes, essas causas estão ligadas à insegurança. Provavelmente a insegurança seja a cobrança e a pressão que os homens sofrem desde a primeira relação sexual. Quanto mais adrenalina é produzida, mais rápida a ejaculação ocorre.

A ejaculação é considerada precoce quando ocorre com um mínimo de estímulo, antes ou imediatamente após a penetração. Vale ressaltar que a dificuldade em controlar a ejaculação pode acontecer ocasionalmente devido a um período de estresse; neste caso, não é caracterizada como um quadro de disfunção do controle ejaculatório.

Muitos médicos prescrevem antidepressivos como forma de tratamento para a ejaculação precoce, mas, infelizmente, ao suspenderem a medicação, todos os sintomas retornam. Os efeitos colaterais desses remédios podem ser: dificuldade de ereção e diminuição da libido.

Tipos
De acordo com as características que apresentam, podemos considerar dois tipos de ejaculação precoce: a primária e a secundária.

            Primária
            A ejaculação precoce de característica primária é aquela que começa com as primeiras relações sexuais. Os maus hábitos de masturbação adquiridos na adolescência, por falta de orientação sexual, para uma ejaculação rápida, podem ser um dos motivos.

            Secundária
            A ejaculação precoce secundária ocorre depois de algum problema ou trauma. O homem perde o controle ejaculatório e esse fato começa a atrapalhar as suas relações sexuais.

Como já dito, os motivos que causam a ejaculação precoce podem ser de ordem psicológica ou biológica. Exemplos: ansiedade, distúrbios na tireoide, fimose, disfunção erétil, atividade anormal do sistema ejaculatório, problemas de relacionamento, usos de remédios psicotrópicos, níveis hormonais acima do normal, níveis de neurotransmissores acima do normal, inflamações na próstata e uretra, fatores genéticos, danos ao sistema nervoso por conta de traumas ou cirurgias etc.

Técnicas tântricas podem ajudar

Felizmente, o reflexo ejaculatório pode ser contido voluntariamente pelos homens. Eles podem praticar, por meio de exercícios, maneiras de permanecer mais tempo em ereção. Se os motivos da ejaculação precoce não forem biológicos, as técnicas tântricas podem ser muito úteis. Os exercícios respiratórios, as contrações de determinadas áreas do corpo, como plexos, órgãos e glândulas, relacionadas aos chakras e a meditação são alguns exemplos dessa proposta. A filosofia tântrica vem conquistando inúmeros adeptos, justamente por trabalhar o autoconhecimento e observar a sexualidade de uma forma natural. Conhecer melhor o seu corpo pode ser uma boa maneira de começar a se sentir mais seguro.

 

Compartilhe isto
Facebook  Twitter  Google  LinkedIn  Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.